Os 11 achados que transformaram pessoas comuns em milionários por acidente

Às vezes, entre toneladas de lixo ou em uma venda de garagem coisas valiosas e surpreendentes podem ser encontradas.Veja alguns exemplos de pessoas sortudas que acabaram encontrando verdadeiras fortunas.

11. Cartaz de Cinema

Em um mercado em Summerville, Laura Stouffer comprou uma cópia de um cartaz de um filme antigo e escondeu em casa atrás do papel de parede. O novo morador decidiu trocar esse papel de parede e dentro estava um cartaz do filme “Quiet na Frente Ocidental”, no valor de 20.000 dólares.

10. Relógio vintage Jaeger-LeCoultre

Em uma pequena loja em Phoenix, Zach Norris conseguiu um relógio vintage raro Jaeger-LeCoultre de 1959 por 6 dólares. Mas tarde ele foi vendido por 35.000 mil dólares.

9. Cartão de Beisebol

A sra Bernice Callego, encontrou um cartão antigo de uma equipe de beisebol ao limpar sua casa. A velha senhora decidiu vendê-lo no eBay por um preço inicial de US$ 10. No final, Bernice ganhou 75.000 mil dólares, quando a autenticidade do cartão foi verificada.

8. Fazenda Hertfordshire

Enquanto alguns têm anos de má sorte, outros ganham uma fortuna em pouco tempo. O inglês Wesley Carrington comprou um detector de metal  e encontrou em único dia 55 moedas de ouro romanas na floresta de St. Albans, em Hertfordshire, Inglaterra, no valor total de 260 mil dólares.

7. Pintura “Magnólias no Veludo do Ouro”

Um morador do estado de Indiana nos Estados Unidos comprou um quadro para cobrir um buraco na parede. Anos depois, durante uma partida de um jogo de tabuleiro, ele encontrou um cartão que mostrava uma obra muito parecida. Depois de consultar um especialista, o sortudo descobriu que era dono de uma pintura pouco conhecida feita por Martin Johnson Heade (famoso pintor americano), avaliada em 1,2 milhão de dólares.

6. “O Vaso com Papoulas Vermelhas” de Van Gogh

Um casal de Wisconsin comprou uma cópia do quadro “Vaso com Papoulas Vermelhas, de Van Gogh. Mas a reprodução era tão boa que despertou a curiosidade dos donos, que levaram a peça a um avaliador. Eles acabaram descobrindo que tinham comprado o original, pintado em 1886, no valor de U$ 1,4 milhão.

5. Moeda de 1974

Robert Lawrence herdou de seu pai uma caixa com uma coleção de moedas. Uma delas, de 1974, foi avaliada inicialmente em 300 dólares. Só que, quando descobriram que a peça era feita de alumínio, seu valor saltou para 2 milhões de dólares. Tudo porque só 10 delas foram produzidas, e acreditava-se que todas tinham sido destruídas.

4. Whisky de 1917

E, Bryan Fite encontrou um esconderijo com 13 garrafas de whisky em seu sótão fabricado em 1917.  O “tesouro” avaliado por especialistas em 2,6 milhões de dólares, mas Fite declarou que não venderia os valiosos exemplares. Ele resolveu guardar as bebidas para consumi-las com os amigos quando elas fizessem 100 anos.

3. O boneco encomendado por Nikolai II

George e Betty Davis, de New York faziam uma limpeza em seu sótão e encontraram uma figura que parecia valiosa. Descobriu-se que era uma obra de Faberge, criado por ordem de Nikolai II. A figura foi vendido em leilão de uma galeria por 5,2 milhões de dólares.

2. Uma pérola rara

Um pescador filipino atracou perto de um penhasco na ilha de Palawan. Ao puxar a âncora, ele encontrou um molusco enorme que trazia em seu interior uma pérola que pesava… 34 quilos! O pescador guardou o tesouro embaixo de sua cama por 10 anos, até que sua casa pegou fogo. Hoje, a pérola gigante é avaliada em 35 milhões de dólares.

1. Ações da Coca-Cola

Tony Marohn comprou uma caixa com papéis em uma venda de garagem por 5 dólares. O que ele não sabia é que entra a papelada havia uma fatura de 1625 ações da Palmer Union Oil. As ações ações equivalem a 1,8 milhões de ações da Coca-Cola, valendo a bagatela de 130 milhões de dólares. A Coca Cola não reconhece esse valor e a questão foi parar na Justiça.